Confira o que são royalties de franquia e como se calcula!

Mercado de Franquias

Written by:

Antes de abrir uma franquia, é muito importante escolher o franqueador com cuidado, decidindo apenas depois de conhecer bem os modelos de negócios das marcas que o interessaram. Uma das informações que você precisa estar a par antes de optar pela parceria ideal é o modo como são cobrados os royalties de franquias.

Sabendo disso, decidimos explicar o que são eles e como eles costumam ser cobrados. Confira!

O que são royalties de franquias?

Em se tratando de franquias, royalties são uma taxa mensal paga pelo franqueado ao franqueador relativa à licença para o uso da marca ou por serviços prestados, como consultorias sobre o funcionamento da franquia.

Os royalties costumam ser a principal remuneração dos franqueadores, de modo que sem eles não seria possível manter uma equipe de profissionais à disposição do franqueado para orientá-lo na operação da sua unidade.

Como os royalties são calculados?

Ainda que os royalties estejam previstos na Lei de Franquias (Lei nº8.955/94), não é determinado o modo de cobrá-los. Sendo assim, cabe aos franqueadores estabelecerem os métodos de cobrança, que devem ser apresentados na circular de oferta de franquia.

Veja, a seguir, algumas escolhas na forma de cobrança de royalties que variam de uma franquia para a outra.

Percentual do faturamento

Os royalties desse tipo são calculados de acordo com o faturamento da franquia. A cada mês, o franqueado deve pagar uma determinada porcentagem do seu faturamento ao franqueador. O cálculo pode ser realizado tendo como base o faturamento bruto ou líquido.

Para garantir que o franqueado está repassando os valores corretos, a empresa franqueadora precisa fiscalizar as vendas da franquia.

Percentual sobre compras

Muitos franqueadores são também os fabricantes ou distribuidores dos produtos vendidos nas franquias. Dessa forma, o franqueado está sempre comprando da matriz para reabastecer seu estoque.

Algumas redes fazem uso dessas transações para calcular o valor das taxas de royalties, adicionando uma porcentagem ao valor total da compra.

Valor fixo

Nessa modalidade, o valor dos royalties não depende do faturamento ou das compras: é determinado previamente. Assim, seu controle é muito mais simples, uma vez que não é necessário apurar pedidos ou vendas e nem fazer qualquer cálculo.

Por outro lado, o franqueador não tem a oportunidade de participar do sucesso do franqueado, já que sua remuneração não cresce com o desenvolvimento da franquia. O franqueado, por sua vez, perde a vantagem de pagar um valor inferior à empresa franqueadora, no caso de não alcançar bons resultados.

Valor mínimo

O valor mínimo mistura as modalidades de percentual e de valor fixo. Caso o franqueado tenha um rendimento inferior a um valor determinado, ele pagará apenas um piso fixo. Já se ele superar esse valor será cobrada uma porcentagem. Assim, o franqueador garante um rendimento mínimo para cada franquia aberta.

Conhecer o método de cobrança de royalties de franquias é uma etapa essencial para avaliar qual parceria é mais vantajosa para você. Afinal, trata-se de uma despesa recorrente, que comprometerá uma parcela da receita do seu negócio.

Quer saber mais sobre nosso modelo de negócios e nossa política de cobrança de royalties? Entre em contato conosco!

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.